Quando falamos sobre cinema, uma palavra é comum a todos: Hollywood. Porém, há uma alternativa aos grandes sucessos de bilheteria produzidos pela indústria norte-americana.

Não falamos do cinema europeu, tampouco do cinema latino (papo para outra matéria), essa alternativa está na Índia, a indústria de cinema que mais produz  filmes no mundo. Bollywood, a indústria mais famosa  da Índia, é apenas uma dentre outras produtoras de filmes. Só Bollywood produziu 201 filmes em 2014 (entre os mais de 500 filmados no país no mesmo ano).

Muitos desses filmes são lançados diretamente – ou unicamente – nos cinemas indianos. E, além da peculiaridade dos filmes, há também uma particularidade muito grande no local onde os filmes são exibidos. Sim, nos cinemas.

Em três viagens entre 2010 e 2013, as fotógrafas alemãs Saubine Haubitz e Stefanie Zoche registraram cinemas construídos entre os anos 1930 e 1970 no sul da Índia.

Segundo as autoras do projeto, as fotos dessas construções são um eloquente testemunho da rica cultura cinematográfica daqueles tempos, além de mostrar uma incomum mistura entre modernismo, elementos arquitetônicos locais, cores vibrantes e, no caso dos halls de cinemas antigos, Art Deco.

Muitos dos cinemas no sul da Índia, retratados na série, ainda estão ativos e permanecem da maneira como foram construídos originalmente. Confira abaixo o olhar das fotógrafas:

Alankar, Madurai
Anna Mallai, Madurai
Bharat, Chennai
Jairam, Salem
Kapali, Bangalore
Lido, Mysore
Meenakshi, Thirumangalam
Nataraj, Bangalore
Nataraj, Chennai
New Theatres, Trivandrum
Pilot, Chennai
Saptagiri, Bangalore
Saravana, Chennai
Shantala, Mysore
Shanti, Hyderabad
Sharada, Bangalore
Sree Padmanabhna
Sree Rama Movies, Alluva
Sri Bala, Trivandrum
Thangaram, Karunagappally
Tharangam, Karunagappally
Tribuvan, Bangalore
Triveni, Bangalore